Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Fontes de Informação sobre Gestão e Preservação de Dados Científicos

Publicado: Terça, 22 de Julho de 2014, 15h33

Esta publicação foi baseada no Documento técnico contendo revisão da literatura e análise de publicações sobre Ciência Aberta (Open Science) e temas correlatos para elaboração de bibliografia especializada com resumos traduzidos e comentados.  Elaborado pela Consultora Anaiza Caminha Gaspar, publicação em  julho de 2014.

Esta Bibliografia Internacional Comentada foi organizada a partir de consultas a grupos de estudo e especialistas sobre fontes e temas a serem arrolados, citados aqui como orientadores e colaboradores no levantamento dos dados e definição das categorias de assunto:

a) Assessoria de Cooperação Internacional do IBICT para delineamento do nível macro de políticas e programas internacionais;

b) Gestores e coordenadores de grupos de trabalho da Rede Cariniana em temas específicos relativos a Big Data,  Preservação Digital e Competências Profissionais; 

c) Gestores de projetos e repositórios de Acesso Livre do IBICT para referenciamento das políticas institucionais em uso nesse campo de atuação.

__________________________________________________________________________________________________________________________________

Dados Científicos Abertos - E- science

Entendido como um fenômeno de amplitude econômica e social que delinea um novo setor de atividades de ampla abrangência, tanto para o setor público quanto para a iniciativa privada. Big Data trabalha conjuntos de dados suficientemente grandes e complexos  que desafiam as ferramentas e as técnicas tradicionais. Esta seção  destaca os desafios e o uso de tecnologias de apoio para reunir, processar, analisar, descobrir, oferecer acesso, integrar, visualizar e preservar dados científicos.

__________________________________________________________________________________________________________________________________

Ciência Aberta

Nível macro das políticas públicas e regulamentos internacionais. Estão relacionados documentos contendo declarações de governo e organizações não governamentais sobre o estabelecimento de princípios e diretrizes para publicações de acesso livre e abertura dos dados da pesquisa científica financiada com recursos públicos. Introduz os conceitos e definições da Ciência Aberta (Open Science, e-Research).

♦ Acesso Aberto a Publicações Cientificas

Busca-se estabelecer num marco histórico das iniciativas que estão na origem do Acesso Livre (Open Access), incluindo diretrizes e princípios que marcam o inicio da publicação dos resultados de pesquisa em repositórios institucionais e em revistas cientificas, estendendo-se até os dias atuais.

♦ Dados Abertos da Pesquisa Cientifica

São arroladas as Políticas e Programas de Financiamento que dão ênfase a infraestrutura global e necessidades de compartilhamento dos dados da pesquisa científica, compreendendo o papel das agências de fomento na elaboração de novos requerimentos para a pesquisa científica.

__________________________________________________________________________________________________________________________________

Gestão dos Dados de Pesquisa

Encontram-se referenciados estudos e projetos de instituições governamentais, muitos deles decorrentes de acordos na esfera público-privada, que se organizam em centros de dados, fundações ou consórcios, envolvendo associações científicas e profissionais para construção de uma mega infraestrutura eletrônica (e-infraestructure). Compõem o item Programas e projetos de e- infraestrutura global para Ciência Aberta em andamento nos países da União Europeia, Estados Unidos, Reino Unido, Canadá e Austrália. Uma mega infraestrutura global não surge espontaneamente por si só da noite para o dia, ela se organiza a partir do uso integrado de e- infraestruturas avançadas, serviços de acesso e processamento, curadoria dos dados, bem como na participação remota (interação) e acesso a experiências científicas, troca e interoperabilidade de dados através de todas as disciplinas e fronteiras nacionais, como forma de ampliar o alcance científico dos conjuntos de dados individuais. Centros e Redes de Dados são arrolados centros  especializados no domínio dos conjuntos de dados com larga  experiência na captura dos dados e organização das coleções, garantindo que as coleções depositadas tenham alta visibilidade e estejam disponíveis para o maior número possível de interessados na reutilização.Citações dos Dados de Pesquisa referencia ferramentas que propiciam a publicação, citação, extração e análise dos dados de pesquisa, incluindo questões legais e políticas de acesso a dados e informações. O principal objetivo dessas ferramentas é resolver os problemas de compartilhamento de dados mediante desenvolvimento de tecnologias que permitam que as instituições reduzam a carga para pesquisadores e editores de dados, e possam incentivá-los a compartilhar seus dados.

__________________________________________________________________________________________________________________________________

Curadoria

Trata dos métodos e processos da curadoria compreendendo todo o ciclo de vida dos dados de pesquisa, desde o plano de gestão dos dados, licença para reutilização como também preservação em longo prazo. Organização de repositórios de dados, passando por questões que vão desde o papel das bibliotecas, bibliotecários e cientistas de dados.

__________________________________________________________________________________________________________________________________

Preservação Digital

Inclui métodos de preservação de dados de pesquisa e documentos.

registrado em:
Fim do conteúdo da página